Sistema de bibliotecas da UFRN
Notícia
BCZM amplia recebimento de devoluções e em março começa a agendar empréstimos 19/02/2021

Marina Gadelha - Ascom-Reitoria

 

A Biblioteca Central Zila Mamede (BCZM), da Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN), amplia os dias e horários para devolução de empréstimos a partir do dia 22 de fevereiro, enquanto a realização de novos empréstimos estará disponível para agendamento a partir de 1º de março, por meio do Sistema Integrado de Atividades Acadêmicas (Sigaa). As medidas permitem o acesso ao acervo da biblioteca durante o período da pandemia da Covid-19.

 

As devoluções serão realizadas de segunda a sexta-feira, das 8h às 13h30, nas instalações montadas no hall da biblioteca. O serviço será estendido a todos os materiais além daqueles com urgência para devolução, no entanto, os prazos continuarão a ser renovados automaticamente, a fim de evitar aglomerações no ambiente da BCZM. De acordo com a diretora da unidade, Magnólia de Carvalho Andrade, espera-se que a ampliação do atendimento favoreça o maior recebimento de devoluções, visto que, atualmente, existem cerca de 9 mil livros emprestados.

 

O retorno dos materiais para a biblioteca favorecerá a realização dos novos empréstimos, que serão solicitados no ambiente da BCZM no Sigaa, onde a comunidade universitária informará os livros desejados para a posterior retirada. O procedimento se dará da seguinte forma: após fazer a busca pelo livro, o usuário acessará a aba Biblioteca – Agendamentos – Empréstimos e indicará o autor, título, ano e edição. Os dados serão recebidos pela equipe da BCZM, que irá conferir a disponibilidade e enviará um e-mail com dia e horário para busca do material.

 

"Atenderemos às demandas da comunidade de forma segura, sem aglomerações e riscos para os nossos servidores. Estamos trabalhando também em melhorias no sistema, previstas para implantação em abril", garante Magnólia Andrade, ao complementar que o atendimento será realizado por ordem das solicitações. Em seu funcionamento normal, a BCZM recebe um fluxo diário de aproximadamente 1.500 pessoas nos períodos de pico.

 

O retorno do funcionamento também acontecerá em algumas bibliotecas setoriais, de acordo com a capacidade de seus recursos humanos. As unidades do Centro de Ciências da Saúde (CCS), Escola Multicampi de Ciências Médicas (EMCM) e Faculdade de Ciências da Saúde (Facisa) já confirmaram adesão, e a listagem completa com os dias e horários de funcionamento de todas as bibliotecas será divulgada no portal da BCZM. 

 

As novidades também podem ser acompanhadas nas redes sociais da biblioteca no Instagram, Facebook e Twitter.


Voltar