Sistema de bibliotecas da UFRN
Notícia
NEI publica livro sobre relatos de experiência do ensino remoto 09/02/2022

Adriane Galvão - Agecom/UFRN

 

O Núcleo de Educação Infantil (NEI) lançou, no dia 3 de fevereiro, o livro Quando o NEI esteve em casa: relatos de experiências de ensino remoto, escrito pelas professoras Danielle Medeiros de Sousa, Gildene de Lima de Souza Fernandes, Janaina Speglich de Amorim Carrico e Marianne da Cruz Moura Rezende. A publicação apresenta práticas pedagógicas em ensino remoto desenvolvidas por professores, gestores, estagiários e bolsistas da instituição durante o período de isolamento social decorrente do início da pandemia provocada pelo coronavírus.

 

Por conta da impossibilidade de realizar aulas presenciais, a escola precisou atender às necessidades de mudança, ao mesmo tempo que se apropriava e experimentava uma nova modalidade de ensino, com diferentes estratégias construídas coletivamente a partir da formação continuada e do acolhimento às famílias e às crianças. Dessa forma, foi possível propor atividades significativas para a adaptação e aprendizagem das crianças no ensino remoto. O envio de quadros semanais apresentando um roteiro de atividades com materiais de estudo às famílias e a orientação necessária para a realização do trabalho síncrono e assíncrono são exemplos das ações realizadas durante este período. “O tempo de duração dos encontros remotos, o material selecionado e como cada professora conduzia as atividades, de modo a garantir a interatividade entre o grupo, foram planejados com muito cuidado e atenção, a partir das necessidades de cada grupo”, afirma Janaina Speglich.

 

As autoras do livro possuem a expectativa de contribuir diretamente para a educação das infâncias e, de modo mais específico, fazer os docentes dialogarem mutuamente acerca das pesquisas e dos estudos sobre a educação infantil e o ensino fundamental. Para isso, o projeto da obra literária, que teve a professora Danielle Medeiros à frente de todo o processo como coordenadora de pesquisa e extensão, apresenta estratégias usadas para assegurar a qualidade, a inovação do trabalho pedagógico e a preservação da identidade do NEI, com respeito aos princípios da abordagem metodológica do tema de pesquisa. “Os 15 artigos presentes no livro poderão evidenciar que o ensino remoto de qualidade é possível, embora seja diferente do ensino presencial”, aponta Janaina Speglich. 

 

Igualmente, os registros presentes nessa publicação estão relacionados à pesquisa Ser e estar na Educação Infantil e no Ensino Fundamental do NEI: o que nos dizem as crianças, coordenada pela professora Marianne da Cruz Moura Rezende e colaboradores, como um desdobramento da pesquisa que investiga o próprio NEI. A concretização do livro NEI esteve em casa: relatos de experiências de ensino remoto recebeu o apoio da Pró-Reitoria de Pesquisa (Propesq), por meio do Programa de Incentivo à Pesquisa e à Extensão do NEI-CAp/UFRN (Pronei).


Voltar